Prefeito do Cabo lança jornal para prestar contas à população

060715 -foto joao barbosa

 

A Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho lançou um jornal nesta segunda-feira (6) com as principais obras e realizações do prefeito Vado da Farmácia (PSB).

A publicação faz parte das comemorações dos 138 anos de emancipação política do município.

Vado da Farmácia pretende disputar a reeleição e terá como adversários o deputado estadual e ex-prefeito Lula Cabral (PSB) e o deputado federal Betinho Gomes (PSDB).

Editado pela Secretaria Executiva de Comunicação Social que tem com responsável o jornalista Carlos Sinésio, o jornal “Cuidando Melhor da Nossa Gente” tem 12 páginas coloridas e destaca realizações nas áreas de saúde, educação, infraestrutura, meio ambiente, desenvolvimento econômico e rural, cultura, esportes e defesa social, dentre outras.

Segundo o secretário do Governo, Luiz Pereira, “apesar da crise econômica que atinge o país a atual gestão do Cabo tem conseguido manter as finanças em dia e realizado várias obras importantes para o desenvolvimento da cidade e são exatamente elas que são enfocados na publicação”.

Fonte: Blog do Inaldo Sampaio

Comentários

Próxima reunião do Submédio São Francisco será em Araripina

Alexandre Arraes - divulgação

A Câmara Consultiva Regional do Submédio São Francisco, que integra o Comitê da Bacia Hidrográfica, fará sua próxima reunião nesta quarta-feira (8) na cidade de Araripina.

Localizada a 690 km do Recife, Araripina é governada pelo prefeito Alexandre Arraes (PSB) e se destaca na região do Araripe por ser um dos maiores produtores de gesso do Brasil.

O município integra a bacia do rio Brígida, que nasce na Chapada do Araripe (no município de Exu) e deságua no rio São Francisco. A Chapada do Araripe, que corta a cidade, abriga uma floresta nacional protegida ambientalmente e um geoparque.

Dentre os temas que serão discutidos na reunião, destacam-se: avaliação da campanha 2015 do Dia Nacional em Defesa do Velho Chico, andamento do Plano de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do rio São Francisco bem como dos planos de saneamento básico da região do Submédio. A reunião acontecerá na Câmara Municipal.

O Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco é um órgão colegiado, integrado pelo poder público, sociedade civil e empresas usuárias de água, cuja finalidade é realizar a gestão descentralizada e participativa dos recursos hídricos na perspectiva de proteger os seus mananciais e contribuir para o seu desenvolvimento sustentável.

Fonte: Blog do Carlos Britto

Comentários

Medida provisória autoriza empresas a reduzir salário e jornada de trabalho

dilma assinaPara evitar demissões dos trabalhadores por empresas em dificuldades financeiras, o governo federal criou, por meio de medida provisória (MP), o Programa de Proteção ao Emprego (PPE), que vai permitir a redução temporária da jornada de trabalho e de salário em até 30%. A MP foi assinada ontem (6) pela presidente Dilma Rousseff, após encontro com ministros e representantes de centrais sindicais. Embora passe a valer imediatamente com força de lei, a proposta será analisada e precisa ser aprovada pelo Congresso Nacional.

A medida prevê que a União complemente metade da perda salarial por meio do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). O programa valerá até o dia 31 de dezembro de 2016, e o período de adesão das empresas vai até o fim deste ano. Para definir quais setores e empresas estarão aptos a participar do PPE, o governo também criou um grupo interministerial que vai divulgar informações sobre os critérios, com base em indicadores econômicos e financeiros.

De acordo com o ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Miguel Rossetto, as empresas não poderão demitir nenhum funcionário durante o prazo de vigência do programa, proibição que será mantida por pelo menos mais dois meses após o fim da vigência. As empresas poderão aderir ao programa por seis meses, prorrogáveis por mais seis. O anúncio foi feito no início da noite de ontem por Rossetto e outros dois ministros, ao lado de representantes de centrais sindicais, no Palácio do Planalto.

É mais importante usar recursos públicos para manter o emprego do que para custear o desemprego. É um programa ganha-ganha, orientado claramente para manutenção do emprego em um período de crise“, afirmou Rossetto, acrescentando que o programa é aberto para qualquer setor da economia que tenha redução de emprego e renda.

Fonte: Blog do Carlos Britto

 

Comentários

Vereador André Cacau apresenta requerimentos para reforma da Praça da Bomba e discute Segurança Pública

10423704_1436795646622599_6214122020760395356_nHoje em reunião ordinária da Câmara de Vereadores de Salgueiro recebemos a visita do Comandante do 8º BPM, Major José Roberto para debater a segurança pública do nosso município. Fiz algumas sugestões como a criação do Conselho Municipal de Segurança Pública que envolveria todas as polícias (Civil, Militar e Rodoviária Federal) juntamente com os poderes públicos com a finalidade estarmos debatendo e procurando melhorar as ações que garantam a efetiva segurança de nossos munícipes. No momento também cobrei a implantação de um monitoramento através de câmeras em pontos estratégicos da cidade.

Apresentei alguns requerimentos solicitando a remoção de entulhos que ocupam aparelhos públicos importantes, dificultando a mobilidade das pessoas, como é o caso da Praça da Bomba, que recebe inúmeros estudantes no período noturno e já se tornou um ponto de referência para os jovens e indiquei a reforma da mesma pela já aparente necessidade, visto o seu mal estado de conservação.

DSC_3445-1024x682

praça2

praça

Comentários

EUA: FHC vê riscos de Brasil perder conquistas

Em um discurso para uma plateia de 1.200 pessoas, entre empresários, diplomatas e à alta cúpula do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou ontem em Nova York que teme “desfazer-se no ar” os avanços construídos no Brasil a partir da Constituição de 1988.

Ao receber o prêmio “Pessoa do Ano”, da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, o tucano fez uma alusão ao bordão usado pelo ex-presidente Lula e disse que essa “construção” de décadas foi feita por gerações e não permite que se diga “nunca neste País antes de mim fez-se tal e tal coisa”; “Um país não se constrói senão pondo tijolo sobre tijolo, obra de gerações.”

Acompanhado por uma comitiva que incluiu os senadores Aécio Neves (MG) e José Serra (SP) e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, além do ex-senador José Sarney (PMDB), FHC também fez críticas à política econômica adotada após a crise mundial de 2008.

“O governo interpretou o que era política de conjuntura como um sinal para fazer marcha à ré”, observou. “Paulatinamente fomos voltando à expansão sem freios do setor estatal, ao descaso com as contas públicas, aos projetos megalômanos que já haviam caracterizado e inviabilizado o êxito de alguns governos do passado.”

O outro homenageado da noite foi o ex-presidente Bill Clinton, que disse que FHC está entre os quatro ou cinco líderes mais extraordinários que conheceu. “Ele era a pessoa certa para o seu tempo. Ele é a pessoa certa para qualquer tempo.”

Fonte: Blog do Magno Martins

 

Comentários

Dilma amanhã no Recife em busca de apoio

Longe da popularidade do primeiro mandato e contabilizando escassas aparições fora do Palácio do Planalto, a presidente Dilma Rousseff desembarca em Pernambuco amanhã pela segunda vez em menos de três semanas. Agora, para prestigiar a viagem inaugural do navio petroleiro André Rebouças e batismo do Marcílo Dias. Uma agenda de duplo peso político. Por um lado, sinaliza para o esforço do partido em reconquistar o espaço perdido no Estado, tentando uma reorganização para 2016. De outro, trabalha para fortalecer a imagem da Petrobras diante do bombardeio que a empresa tem sofrido com denúncias de corrupção.

“Essa vinda dela tem um peso muito grande. É uma demonstração da significância que tem Pernambuco e o Nordeste, de prioridade do nosso estado e um reconhecimento político e econômico para a região”, avaliou o senador Humberto Costa (PT), que anunciou a visita da presidente ontem pela manhã.

Ele acompanha a viagem de Dilma de Brasília até Pernambuco, juntamente com o presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, e da Transpetro, Cláudio Campos. O ministro de Desenvolvimento Econômico, Armando Monteiro Neto, também deve integrar a comitiva.

A presidente do PT em Pernambuco, Teresa Leitão, enviou para a assessoria presidencial uma relação dos petistas que devem participar da cerimônia. “Para nós é ótimo que ela venha e cumpra agenda estratégica para a retomada da indústria naval, que foi possível nos governos Lula e Dilma.”. Ela negou, porém, que vá usar a oportunidade com a presidente para tratar da inclusão dos petistas sem mandato e sem cargos no terceiro escalão. “Será uma visita institucional e esse assunto não é tratado com ela.”

A recolocação política de integrantes da legenda que não obtiveram sucesso eleitoral em 2014, como os ex-prefeitos do Recife João Paulo e João da Costa, tem sido tratada com o diretório nacional do partido. João Paulo preferiu não comentar a vinda da petista nem confirmou se estará presente. Na viagem anterior de Dilma a Pernambuco (Jeep), ele não esteve presente.

Fonte: Blog do Magno Martins

Comentários

Codevasf no papo do PP

 A Codevasf – Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco – sai da orçada do PT da Bahia, do ex-governador Jacques Wagner. O atual presidente Elmo Vaz Bastos de Matos, será substituído por um nome do PP, Partido Progressista, do senador piauiense Ciro Nogueira. O nome para presidir a instituição, que tem um orçamento de R$ 2,4 bilhões, deve ser conhecido hoje.

A Pernambuco, cujo maior líder é o deputado Eduardo da Fonte, caberá uma diretoria, provavelmente a de Engenharia. Ontem, a cúpula do PP passou o dia em conversas na Casa Civil. Lá estavam, além do ministro Aloizio Mercadante, o vice Michel Temer e o ministro Eliseu Padilha (Aviação Civil). Passaram por lá para tomar um cafezinho o presidente do PP, senador Ciro Nogueira (PI), e o líder do PTB, deputado Jovair Arantes (GO).

A expectativa do Planalto, depois de entregar a Codevasf ao PP, é a de que dos 18 deputados do PP que votaram contra a MP 665, do seguro-desemprego, pelo menos 10 possam votar a favor da MP 664, a dos aposentados. O PP deve ganhar também o controle do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – Dnocs.

Já o PTB bateu o martelo: terá a presidência e um diretor da Companhia Nacional do Abastecimento, Conab (Ministério da Agricultura). Consta que o PTB quer a permanência do atual presidente, Rubens Rodrigues dos Santos, mas isso só se saberá com certeza quando o partido levar os nomes. O PTB tem 25 votos.

Na conversa com Jovair também houve debate sobre a MP 664, que envolve a aposentadoria. O partido tem posição contrária a votar medidas que prejudiquem os idosos e os aposentados. Lá, lhe foi dito que as mudanças só retiram pagamentos indevidos e que essas alterações, ao invés de prejudicar, vão melhorar as condições de atendê-los. Foi citado exemplo de um idoso que, aos 90 anos, casa-se com uma jovem familiar, que quando este falecer, receberá pensão como viúva pelo resto de sua vida.

Quando anunciou em Teresina que desejaria a Codevasf como compensação a perda do cargo do Banco do Nordeste, o governador Wellington Dias (PT) não sabia que em Brasília o Palácio do Planalto havia decidido que a presidência da companhia caberia ao Partido Progressista. O governo negocia apoio da legenda no Congresso nacional.

DISTRITÃO– No relatório final da Reforma Política na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, o deputado Marcelo Castro (PMDB-PI) propõe a adoção do distritão, mas existe no Congresso uma tendência pelo distrital misto. Ele informou ao PMDB que fará essa opção ao constatar que esse modelo tem a maioria dos votos na comissão e no plenário. Mas o que se ouve nos corredores é que o distritão será rejeitado.

Fonte; Blog do Magno Martins

Comentários

Líder do PSB admite que maioria da bancada votará a favor da MP 664

Fernando Filho - divulgação

O líder do PSB na Câmara Federal, deputado Fernando Filho (PE), admitiu nesta segunda-feira que a bancada do partido tende a votar a favor da Medida Provisória 664, que torna mais rígidas as regras para o pagamento de pensão por morte.

Semana passada, sete dos deputados da bancada socialista votaram a favor da MP 665, que alterou as regras do seguro-desemprego, mas todos de Pernambuco votaram contra.

“Acho que há menos resistência para votar a favor da MP 662”, declarou o líder do PSB, que vai reunir a bancada nesta terça-feira para tomar uma posição.

A bancada do PSB tem 32 deputados federais, mas uns votam com o governo e outros com a oposição.

Fonte: Blog do Inaldo Sampaio

Comentários

Ministério de Armando dá primeira boa notícia ao Brasil

Armando Monteiro Neto - foto ana luiza souza - divulgação

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, comandado pelo pernambucano Armando Monteiro Neto (PTB), deu sua primeira boa notícia ao Brasil nesta segunda-feira (11).

Segundo ele, a balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 976 milhões na primeira semana do mês de maio. As exportações somaram US$ 4,408 bilhões e as importações, US$ 3,432 bilhões.

Considerando-se a medição anual, a balança comercial registra um déficit de US$ 4,090 bilhões. Durante esse período o Brasil exportou US$ 62,339 bilhões e importou de U$S 66,429 bilhões.

O ministro Armando Monteiro está preparando um plano de desenvolvimento industrial que será apresentado pela presidente Dilma Rousseff até o final do mês.

Fonte: Blog do Inaldo Sampaio

Comentários

No trilho certo

No pacote de concessões que o governo lança na quinta-feira, a novidade será a inclusão de várias  ferrovias, anuncia Lauro Jardim, na Veja Online.

Anteontem, Aloizio Mercadante reuniu-se com representantes da ALL, MRS e Vale, potenciais interessados. O governo também aposta muito – e como – no apetite chinês

Enquanto isso, vem caindo a fatia da Petrobras no total de petróleo produzido no Brasil.

Em janeiro de 2014, por exemplo, a estatal foi responsável por 89,3% da produção. As outras 42 empresas responderam por 10,7%.

Em março deste ano, a Petrobras produziu 83,5% do total e as outras empresas 16,5% – o maior volume que elas alcançaram historicamente.

A Petrobras vai mesmo pôr à venda sua participação na Braskem. Está decidido. Mas, por causa do preço das ações, não será agora.

Já Eliseu Padilha é o ministro da Aviação Civil, mas tem ocupado praticamente todo o seu tempo em auxiliar Michel Temer na articulação política e na distribuição de cargos do segundo e terceiro escalões.

Fonte: Blog do Magno Martins

 

Comentários